Versículo Bíblico do dia

Jogo Biblico

terça-feira, 30 de março de 2010

Não aconteceu ontem, mas vai acontecer hoje


Seria uma incoerência crer que existe um Ser Maior que tudo fez e tudo faz; que está em todos os lugares e preenche todos os espaços; que possui a força e o poder; que rege todo o universo; que o Seu amor é imensurável e não se pode compreender; que nos criou com tanta glória e agora... Tenha nos desamparado.

Seria uma incoerência de nossa parte acreditar que este Ser Supremo nos deixa a mercê das intempéries e entregues indefesos às vicissitudes e mazelas da vida.

Não. Não acontece assim. Não existem pessoas desamparadas, mas sim, pessoas sem atitudes de fé.

No texto bíblico de Lucas 18, Jesus nos dá a direção, o ensinamento de como devemos agir diante das adversidades, através de uma parábola que ensina a persistência e a não desistir da vitória jamais.

1- E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre e nunca desanimar.

Nunca desanimar.

Havia numa cidade um certo juiz que nem a Deus temia nem se importava com os homens. E havia também naquela cidade uma viúva que se dirigia continuamente a ele, suplicando-lhe: faze -me justiça contra meu adversário.
Diz o texto que por um bom espaço de tempo, o juiz se recusou a dar à viúva ganho de causa. Mas, finalmente, disse a ele mesmo: Embora eu não tema a Deus e não me importe com os homens, esta viúva está me aborrecendo. Vou fazer-lhe justiça para que ela não venha mais me importunar.

Jesus disse: Ouçam o que diz o juiz injusto. Acaso Deus não fará justiça aos seus escolhidos que clamam a Ele dia e noite? Ele lhes fará justiça, e depressa.

Vejo a viúva como símbolo de desamparo. Não tem mais o marido como provedor de suas necessidades físicas, emocionais, substanciais e de apoio. Mas Jesus nos ensina que a persistência, e a perseverança, nos garante a providência divina em relação aquilo que queremos.

A viúva não desanimou e não desistiu com os vários nãos que o juiz lhe respondeu. Ela não pensou como muitos pensam e dizem: “Ah, se tivesse que acontecer já teria acontecido!”

Não e não! A viúva não disse isso. Ela disse: “Eu não desisto”. “Eu não retrocedo”. “Não aconteceu hoje, mas vai acontecer amanhã”. “Eu não desisto”.

A atitude da viúva não se aplica às atitudes de muita gente que ao receber um não de alguém ou da vida, desanima, desiste, retrocede, acredita que não é para acontecer porque, se fosse para acontecer já teria acontecido. E retrocede.

Jesus nos ensina que quem não desiste, vence.

Mesmo o juiz sendo humanamente mais forte, foi a viúva quem venceu. Mesmo ele dizendo que não julgaria a causa dela, ela não desistiu e venceu pela persistência.

Essa tem que ser a sua fé e o seu Espírito. Não aconteceu ontem, mas vai acontecer hoje. Não aconteceu no ano passado, mas vai acontecer neste ano.
Aprenda a persistir com Deus clamando em oração. Persista também com os homens até que seus objetivos sejam atingidos e seus desejos concretizados.

Persevere mesmo que ainda você ouça: “Não vai acontecer”, porque com certeza, vai acontecer.
Diga: “Eu não desisto, eu não recuo, não retrocedo, não abro mão da minha vitória e da realização dos meus sonhos, e assim será em nome de Jesus.

Por que “Em nome de Jesus”?

Porque este nome tem poder nas leis do céu, da terra e de todo Universo.

Bispo Maurílio Ribeiro
Acreditamos que Deus faria o impossível por nós e Ele fez


Alcino com a filhinha Isabelly no colo
e Kelly com a filha Grasielly

A Igreja Mundial de Cristo foi um divisor de águas na nossa vida. Depois que conhecemos o Senhor Jesus, nossa vida nunca mais foi a mesma. Participamos de todas as campanhas que a Igreja realiza.

Na Campanha “Meus Projetos de Conquistas” reforço a minha fé e grandes coisas acontecem. Cada ano é melhor que o outro. Eu fui abençoado com uma grande porta de emprego numa empresa multinacional.

Minha esposa também foi promovida no trabalho. As dívidas foram pagas, compramos um carro zero e conquistamos a nossa casa que também fomos os primeiros a morar nela. Tudo por intermédio da prática da fé viva de resultados. Fizemos a nossa parte e o Senhor fez a d’Ele. Em meio aos compromissos que tínhamos que sanar, assumimos um compromisso com Deus. Acreditamos em todos os momentos.

A Campanha “Meus Projetos de Conquistas” nos propicia vitórias sobre a nossa fé praticada em Jesus.

Um dia, quando chegamos à Igreja Mundial de Cristo, acreditamos que Deus faria o impossível por nós e Ele fez.

A Igreja Mundial de Cristo para nós é um esteio, uma fortaleza. Já conhecíamos o Senhor Jesus, mas só tivemos resultados aqui através da prática da fé viva.
Não é dificil de mais

Uma pessoa pode ter tido um começo de vida derrotado, com infância ruim, adolescência difícil, com privações, abusos e humilhações, mas isso não determina o seu fim. Ela pode terminar um vencedor.


Eu instruo, continuamente, a ter pensamentos bons porque uma mente negativa leva a lamento e infelicidade.

Quando alguém senta e começa a meditar no passado difícil, nas coisas que quer, mas que lhe parecem impossíveis, ele é inundado por incertezas. Um paredão se forma diante dele e ele não consegue ver mais nada.

Esse processo deve ser interrompido e todo pensamento errado deve ser eliminado. E a única forma de fazer acontecer, é falar. Falar que não é assim, falar que não vai terminar assim.

O diabo está sempre contando mentiras dizendo: “Você não está pronto”, “Você não vai conseguir”, “Você não pode fazer”; e a maior de suas mentiras, “É difícil demais”. E acontecendo isso, você deve inter-romper dizendo com firmeza: “Não é por merecimento; é por fé. Posso todas as coisas no Senhor. Posso fazer qualquer coisa porque em Deus não há limites”.

E mais: você deve interromper as interferências diabólicas no pensamento dizendo: “Não é difícil demais, porque o Senhor disse que está ao meu alcance”. Imediatamente você vai vencer essa força diabólica, o paredão vai ruir e você vai enxergar muito além.

Existe um grande problema com um bom tanto de pessoas: além de serem negativas são muito passivas.

E pessoas passivas contam com a sorte, não com o trabalho. Com isso, são dominadas e controladas. A frustração é constante na vida delas porque desejam, mas não buscam. Deus nos manda ser ativos e vigilantes. Manda-nos buscar, estar em constante renovação.

Deus não nos ensina a deixar para depois o que se tem que fazer. Tudo que se deixa para depois, acaba-se não fazendo. Deseja-se a paz, a saúde, a harmonia; deseja-se a prosperidade; mas a pessoa não busca nada disso. Não se dispõe a encontrá-los.

São muitas as pessoas do meu cotidiano que me dizem: “Eu quero paz, Bispa”, “Eu quero ter saúde”, “Eu quero dinheiro”. Tudo isso foi deixado para nós termos e usar. Devemos, portanto, buscar e nos empenhar em possuir o melhor.

O que adianta querer paz e não trabalhar para a paz? Querer saúde e não trabalhar pela saúde? Querer conquistas financeiras e manter-se no comodismo? De que adianta querer e não se dispor a encarar os desafios, não se arriscar na fé, porque acha tudo difícil demais?

Os que agem assim, quando olham alguém que venceu, que “chegou lá”, acaba criticando, invejando, mas não quer fazer o que aquela pessoa fez para ter mais do que o suficiente e em abundância.

É comum ouvir: “Eu não tenho nem o suficiente, e quando eu tenho é somente o suficiente; nunca me sobra nada”. “Quando eu subo alguns degraus logo estou caindo.” “Para mim é tudo mais difícil; para fulano é tudo mais fácil”. Lamento muito ouvir relatos assim nos nossos atendimentos. Essa mentalidade comanda a vida de muita gente. Aconselhamos: “Obedeça a Deus, pratique a fé, abandone as velhas práticas”.

Muitas vezes nem é preciso falar; a atitude fala mais alto, indicando que “é difícil demais”. É difícil demais perdoar, romper com as velhas amizades, com a velha vida, com o estilo de vida que contraria a Palavra de Deus. É difícil demais romper com hábitos que comprometem a saúde, com a imoralidade.

É sempre difícil demais!

Seria até melhor que a pessoa fosse honesta com ela mesma e dissesse, “Não quero fazer”, e não, “É difícil demais”. Deus nos diz: O que lhes estou ordenando não é difícil fazer e nem está além do seu alcance.

A Palavra de Deus nos ensina a viver, e viver com qualidade. Devemos virar as costas para o passado, avançar para uma vida nova, pensar só em coisas boas, focar em Deus, concentrar só nos nossos objetivos, perseverar até atingir aquilo que queremos. Não recuar jamais. Não permitir divisão mental. Devemos brigar contra as dúvidas e más notícias. Não nos render aos obstáculos. Continuamente não olhar para lado algum, não desanimar, afastar a tristeza e pensar nas coisas que são do Alto.
Jesus diz que, se os nossos olhos forem bons, todo nosso corpo terá luz, mas se nossos olhos forem maus, todo nosso corpo andará em trevas. Não devemos, então, nos envolver com coisas que atrasam a vida e que abatem o espírito.

Não existe outra maneira de você chegar aonde quer chegar se não for se forçando a fazer o que é certo e o que se sabe que é bom. Nós não podemos ir pelo que sentimos, pelo que ouvimos, pelo que enxergamos. Temos que ir pelo que sabemos que é certo e correto. Isso é praticar fé inteligente.

Nós sabemos que temos que ser fortes, que devemos esforçar, perseverar, resistir às más situações ou condições que o mundo impõe. Bem sabemos. Então ainda que emoções negativas queiram controlá-lo, você deve colocar força e fazer o que sabe que tem que fazer através dos conselhos bíblicos.

Deus faz Promessas para todos nós e elas estão ao alcance de todos que creem.

Deus pode fazer grande, forte, mais que vencedor qualquer pessoa que n’Ele crê, no que Ele falou e pratica o que aprendeu. Ele comerá coalhada e mel até a idade em que saiba rejeitar o erro e escolher o que é certo (Isaías 7.15). Pode-se então, dizer: “Eu não aguento mais este cardápio”. Rejeite pois, o erro e escolha o que é certo.

É fundamental dar ouvidos à voz de Deus. Ele quer abençoá-lo. A Bíblia diz que, Todos comeram do mesmo alimento espiritual e beberam da mesma bebida espiritual, contudo Deus não se agradou deles, por isso seus corpos ficaram espalhados no deserto (I Coríntios 10. 3 ao 5).

A palavra de vida e transformação que é a comida e a bebida é dada. Uns têm comido e têm bebido do espírito; outros não. Quero dizer que, uns creem e outros duvidam. Uns praticam e outros desprezam.

Os que praticam estão desfrutando das Promessas do Senhor. Os que desprezam, ficam reclamando sem terem a menor razão. Rotineiramente usa-se de desculpas como a que “É difícil demais!”. Mas está claro que não é. Repito-lhe que você pode fazer e que está ao seu alcance. Você pode; é para você também. Não é difícil demais.
Deus o abençoe.

Todo pensamento errado deve ser interrompido e a única forma de interrompê-lo é falando e profetizando que não é assim, que não terminará da mesma forma.

Bispa Cléo Ribeiro Rossafa
Fundadora da Igreja Mundial de Cristo
As Promessas de Deus
Bispo Sebastian de Almeida

Jesus mostrou em alguns momentos o resultado da obediência à Palavra de Deus. No deserto foi tentado por satanás, mas usou a Palavra e venceu.

Observe o Livro Sagrado de Mateus 4 .3-4: "E, chegando-se a Ele, o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães. Ele, porém, respondendo,disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda Palavra que sai da boca de Deus."

A submissão à Palavra poderá transformar a sua vida. Para isso, deve trilhar o caminho que leva à salvação e deixar a sua vontade, submetendo-se à vontade de Deus. Desta maneira, vencerá tudo e todos; e assim, as promessas se cumprirão em sua vida.

“Além disso, você terá a sua salvação e de sua família porque está escrito:” E Eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo tu e a tua casa”. ( Atos 16.31).

Agora, crer não é acreditar, porque isso até satanás crê. Crer é submeter-se a Jesus Cristo, é lançar-se de corpo e alma e espírito.

E a Bíblia trará à existência aquilo que não existe em sua vida, porque Jesus representa esta Palavra. Ele é o Verbo, é a expressão de Deus, que já existia antes da criação do mundo.

Em Apocalipse está escrito que Jesus é o principio e o fim. Ele foi à primeira obra de Deus e todas as coisas passaram a existir por causa Dele.

O livro de Lucas, capítulo 5, relata que a multidão se apertava para ouvir a Palavra. Aquela multidão queria ser abençoada, mas no meio deles existiam pescadores lavando as redes. Lavar as redes. Lavar as redes significa jogar a toalha, desistir, para as barreiras e para as dificuldades.

Eles estavam desanimados porque nada pescaram. Quantas pessoas hoje estão lavando as redes e jogando a toalha? Quantas pessoas têm desistido no meio do caminho?

Eu não sei quantas lágrimas você tem derramado e nem quantas noites está sem dormir por causa das preocupações, do sofrimento. Talvez você tenha chegado ao seu limite e não sabe mais o que fazer. Mas quando você pensa que está tudo acabado, é a hora que Deus começa a agir. Os pescadores estavam esgotados, no limite, mas creram no Deus que é ilimitado.

Pedro trabalhou a noite toda, era um pescador, um excelente profissional de pesca, mas estava frutado. Aquela pesaria era como fosse a última esperança de levar o alimento para o lar e consegui quitar as dívidas.

Quantas são as pessoas que têm desistido e cruzando os braços diante dos problemas, da pesca frustrada e por causa da ameaça de satanás. O diabo faz a pessoa pensar que Deus não está vendo a sua situação. Quando os pescadores lavavam as redes, satanás colocou nos seus corações que Jesus não enxergava. O que é impossível, porque Deus vê tudo e está garantido na Palavra de Dele. Leia o Salmo 94.9: " Aqueles que fez o ouvido não ouvirá? E o que formou o olho, não verá?". Em Isaías 66 está escrito”: “Porque minha mão fez todas as coisas, e assim todas elas foram feitas, diz o SENHOR; mas para esse olharei, para o pobre abatido de espírito, e que teme a minha palavra”.

Logo, se você caminha com Deus é impossível não chamar a Sua atenção. Pedro deixou claro que havia trabalhado a noite toda em vão por isso estava cansado, sem fé e desanimado, mas ao obedecer a Palavra do Senhor, lançou a rede e pescou peixes como nunca havia pescado.

Esta passagem confirma o que falamos no início, de que nem só de pão viverá o homem. Os pescadores acharam que viveriam somente da pesca e foram frustrados. Os seus sonhos só foram resgatados pela Palavra do Senhor, e assim tiveram uma pesca maravilhosa tornando o impossível em impossível em possível.

Então, se você estiver nesta situação e caminhar com Jesus, ignorando as dificuldades e barreiras, vencerá tudo e todos. Satanás sabe que Deus não tem prazer naquele que desiste. Mas também sabe que aquele que persevera, vence. Como também está escrito na Bíblia “Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo e ele fugirá de vós” (Tiago 4.7).

Não, temos que fugir de satanás, mas resistir. Tem muita gente fugindo o diabo. Sabe como? Olhando para o problema e desistindo.
Aquele que persevera, vence. Submeta-se a Jesus, converta-se, porque Ele é o princípio e o fim. Creia na Palavra e alcançará grandes bênçãos.
Fique com Jesus.

Seguidores

Quantos já visitaram

Contador de visitas
Powered by Primeiro lugar